Cursos

  1. Arte e mitologia egípcia

    Arte e mitologia egípcia

    Sem estoque

    Como todo movimento artístico, também a arte egípcia está profundamente relacionada ao contexto de sua época. Para dela tratarmos, é inevitável nos voltarmos à mitologia, elemento de forte influência sobre aspectos políticos e religiosos dessa sociedade. Neste curso, vamos conhecer mais sobre a carga simbólica presente nos principais personagens da mitologia egípcia e a sua relação com as manifestações artísticas da civilização antiga que mais perdurou através dos tempos.

    Angela Wolf e Tânia Bian
    Tânia Bian e Angela Wolf são reconhecidas por ministrar cursos sobre História da Arte e por organizar viagens culturais aos principais museus de Arte da Europa e do Oriente. O entusiasmo e a paixão pela história “não-oficial” são características marcantes que, unidas ao conhecimento dos detalhes mais íntimos da História da Arte, definem o perfil das professoras.

    Período: 19 e 26.06

    Dia: Segundas-feiras

    Horário: das 19h às 21h

  2. Culinária Thai

    Culinária Thai

    Sem estoque

    Um curso dedicado aos clássicos da Tailândia! Você vai aprender sobre os pratos mais emblemáticos e representativos da comida tailandesa. Desde o processo de fazer a própria pasta de curry e as bases da culinária Thai, até o manuseio das panelas wok, passando ainda pelo uso correto dos ingredientes e das técnicas dessa cozinha exótica e saborosa. Entre os pratos clássicos que você vai aprender ( e saborear...), o Chef Rafael Jacobi ensina os deliciosos Thai spring rolls, o bolinho de peixe com perfume de limoeiro, Red Paneang curry, Thai fried rice, Chicken cashew nuts e o clássico Pad Thai.

    Rafael Jacobi
    Rafael Jacobi é patrimônio gastronômico de Porto Alegre. Filho da confeiteira D.Lecy e irmão do saudoso Marcelo Jacobi, consultor gastronômico, Rafael cresceu no universo da gastronomia. Este estímulo o levou para a Austrália, onde trabalhou nos mais renomados restaurantes, começando como ajudante e chegando a Sous Chef. Especializou-se em gastronomia tailandesa no Sydney Community College. Com dedicação, estudou na Indonésia e acabou na Tailândia, onde - nas ilhas de Koh Phi Phi e Koh Samui - se apaixonou de vez pela gastronomia local. Voltou para o Brasil e em 2007 abriu o Wok, em Porto Alegre, restaurante que tornou-se referência na culinária Tailandesa. Em 2009 foi estudar no Blue Elephant, em Bangkok (considerado um dos melhores restaurantes e escola de culinária tailandesa do mundo).

    Período: 10 e 17.10 de 2017

    Dia: terças-feiras

    Horário: das 19h às 22h

  3. Por que a beleza importa?

    Por que a beleza importa?

    Sem estoque

    Terá o papel da beleza, na arte e nas nossas vidas, desaparecido por completo ou substituído, ao que parece, por agendas político-ideológicas ou por projetos conceituais que pouco ou nada tem a ver com a fruição estética? Há ainda algum espaço para a reflexão acerca do “Belo”, que por tanto tempo motivou o trabalho intelectual e artístico da humanidade? Em tempos de conflito com os “pichadores”, desagregação dos consensos artísticos e crise da sensibilidade estética, este rápido curso pretende dar uma resposta ao questionamento “Por que a beleza importa?” – pois ela importa, sim, e muito.

    Eduardo Wolf
    Eduardo Wolf é Mestre em filosofia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutorando em filosofia pela USP. É articulista do jornal Zero Hora e da revista Veja, em que escreve sobre temas de cultura, ética e filosofia política. Traduziu os ensaios de T. S. Eliot (Notas para uma Definição de Cultura e A Ideia de uma Sociedade Cristã e Outros Ensaios - É Realizações) e diversos títulos de filosofia (A Filosofia antes de Sócrates, de Richard Mckirahan, A invenção da Filosofia, de Néstor-Cordero, entre outros). É o atual Secretário Adjunto da Cultura de Porto Alegre.

    Período: 23 e 30.05

    Dia: terças-feiras

    Horário: das 19h30 às 21h30

  4. Trump, Brexit e a nova rebelião das massas

    Trump, Brexit e a nova rebelião das massas

    Sem estoque

    Quando os eleitores do Reino Unido optaram pela saída da União Europeia, a reação da imprensa e do establishment político das principais democracias ocidentais foi quase unânime: a nação da Rainha estava às portas do “fascismo”. Menos de seis meses depois, foi a vez dos americanos: nos Estados Unidos, a mais pujante democracia do globo, um exótico milionário sagrou-se presidente daquele país que já teve George Washington, Abraham Lincoln e Franklin Roosevelt à frente do executivo. Estariam as duas mais importantes democracias liberais do mundo se entregando às mais atrasadas e autoritárias práticas? Estariam possuídas de fervor racista e odioso nacionalismo? Este curso pretende analisar estas e outras perplexidades que os fenômenos Brexit e Trump fizeram emergir em 2016 – perplexidades que vieram para nos acompanhar por um longo tempo.

    Eduardo Wolf
    Eduardo Wolf é Mestre em filosofia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutorando em filosofia pela USP. É articulista do jornal Zero Hora e da revista Veja, em que escreve sobre temas de cultura, ética e filosofia política. Traduziu os ensaios de T. S. Eliot (Notas para uma Definição de Cultura e A Ideia de uma Sociedade Cristã e Outros Ensaios - É Realizações) e diversos títulos de filosofia (A Filosofia antes de Sócrates, de Richard Mckirahan, A invenção da Filosofia, de Néstor-Cordero, entre outros). É o atual Secretário Adjunto da Cultura de Porto Alegre.

    Período: 30.03 e 06.04

    Dia: quintas-feiras

    Horário: das 19h30 às 21h30

  5. Gastronomia japonesa: Izakaya

    Gastronomia japonesa: Izakaya

    Sem estoque

    Um curso para demonstrar que a gastronomia japonesa vai muito além dos populares sushi e sashimi. A Chef Hajime Kadosaka, natural de Hiroshima, ensina o preparo de pratos igualmente populares entre os japoneses, servidos nos izakayas, os pubs no Japão. Camarão, frango, lula, peixe, ovo, fritura, tofu, algas. De preferência, tudo servido em uma mesma refeição. Venha descobrir os segredos de um dos povos mais saudáveis do mundo e se surpreenda com a diversidade e com o sabor de pratos que você vai poder preparar em casa, para receber os amigos.

    Hajime Kadosaka
    Hajime Kadosaka é natural de Hiroshima, Japão. Formada em Hotelaria, pela London Hotel School, veio para o Brasil depois de conhecer um gaúcho, se apaixonar e casar. Em 2013, resolveu abrir o seu próprio izakaya, para mostrar o que de verdade o japonês come no dia a dia. Influenciada pelos dotes culinários de sua mãe, Hajime Kadosaka recria receitas originais no Izakaya Danjou, trazendo e alinhando a tradição dos botecos japoneses ao paladar gaúcho.

    Período: 21 e 28.06

    Dia: quartas-feiras

    Horário: das 19h às 22h

  6. Audições comentadas | Jazz

    Audições comentadas | Jazz

    Sem estoque

    Paulo Moreira volta ao Instituto Ling para comandar, uma vez por mês, uma verdadeira aula de história através da música.

    A cada encontro, um novo gênero dá o tom da noite, dedicada especialmente à música e aos bons drinks.

    Acompanhe a agenda e escolha o seu gênero – Jazz, Soul, MPB ou Rock and Blues.

    Venha participar dessa experiência: você vai ouvir boa música e grandes histórias, em um cenário de referência da arquitetura brasileira.

    Nesta edição: Jazz - Thelonious Monk

    Paulo Moreira
    O jornalista Paulo Moreira tem 33 anos de carreira, sendo que mais de 20 dedicados à produção, redação e radiodifusão de conteúdos musicais, desde a Rádio 102 FM, de 1994 a 1996, quando produziu o programa “Jam Session”, apresentado por Ruy Carlos Ostermann. De 1997 a 1999, exerceu crítica de música e cinema no jornal Correio do Povo e, a partir de julho de 1999, produz e apresenta o programa Sessão Jazz nos 107,7 da FM Cultura. Realizou cursos sobre História do Jazz e do Rock no Studio Clio, de Porto Alegre.

    Período: 21.03

    Dia: terça-feira

    Horário: das 19h30 às 21h30

  7. Audições comentadas | Soul

    Audições comentadas | Soul

    Sem estoque

    Paulo Moreira volta ao Instituto Ling para comandar, uma vez por mês, uma verdadeira aula de história através da música. A cada encontro, um novo gênero dá o tom da noite, dedicada especialmente à música e aos bons drinks. Acompanhe a agenda e escolha o seu gênero – Jazz, Soul, MPB e Rock and Blues. Venha participar dessa experiência: você vai ouvir boa música e grandes histórias, em um cenário de referência da arquitetura brasileira. 

    Nesta edição: Soul - Gravadora Motown

    Paulo Moreira
    O jornalista Paulo Moreira tem 33 anos de carreira, sendo que mais de 20 dedicados à produção, redação e radiodifusão de conteúdos musicais, desde a Rádio 102 FM, de 1994 a 1996, quando produziu o programa “Jam Session”, apresentado por Ruy Carlos Ostermann. De 1997 a 1999, exerceu crítica de música e cinema no jornal Correio do Povo e, a partir de julho de 1999, produz e apresenta o programa Sessão Jazz nos 107,7 da FM Cultura. Realizou cursos sobre História do Jazz e do Rock no Studio Clio, de Porto Alegre.

    Período: 02.05

    Dia: terça-feira

    Horário: das 19h30 às 21h30

  8. Audições comentadas | Clássicos da MPB: Tropicalismo

    Audições comentadas | Clássicos da MPB: Tropicalismo

    Sem estoque

    Repetindo a experiência do último mês de janeiro, Paulo Moreira volta ao Instituto Ling para comandar, uma vez por mês, uma verdadeira aula de história através da música. A cada encontro, um novo gênero dá o tom da noite, dedicada especialmente à música e aos bons drinks. Acompanhe a agenda e escolha o seu gênero – Jazz, Soul, MPB e Rock and Blues. Venha participar dessa experiência: você vai ouvir boa música e grandes histórias, em um cenário de referência da arquitetura brasileira.

    Nesta edição: MPB - Tropicalismo

    Paulo Moreira
    O jornalista Paulo Moreira tem 33 anos de carreira, sendo que mais de 20 dedicados à produção, redação e radiodifusão de conteúdos musicais, desde a Rádio 102 FM, de 1994 a 1996, quando produziu o programa “Jam Session”, apresentado por Ruy Carlos Ostermann. De 1997 a 1999, exerceu crítica de música e cinema no jornal Correio do Povo e, a partir de julho de 1999, produz e apresenta o programa Sessão Jazz nos 107,7 da FM Cultura. Realizou cursos sobre História do Jazz e do Rock no Studio Clio, de Porto Alegre.

    Período: 31.05

    Dia: quarta-feira

    Horário: das 19h30 às 21h30

  9. Elis, por Zuza

    Elis, por Zuza

    Sem estoque

    Poucos poderão abordar com tanta propriedade o impressionante talento musical de Elis Regina como seu colega e amigo Zuza Homem de Mello. Zuza foi o técnico de som do programa O Fino da Bossa, entrevistou Elis por diversas vezes para seu programa de rádio, escreveu textos sobre seus discos e shows, foi produtor artístico do seu espetáculo na série O Fino da Música, dos anos 70, participou da última entrevista da cantora na TV Cultura de S. Paulo e com ela cultivou uma amizade que durou até o final de sua vida. Nos últimos anos a vida e a música de Elis Regina foram revividas num musical de sucesso, num filme de sucesso e em duas biografias diferentes, uma delas prefaciada por Zuza. Neste curso de duas aulas, ilustrado com gravações, vídeos e trechos de entrevistas, Zuza disseca a dimensão de sua musicalidade e as trepidações existenciais da maior cantora da música brasileira.

    Zuza Homem de Mello
    Musicólogo, jornalista e produtor musical. Há mais de 50 anos dedica-se ao garimpo e à divulgação da música popular brasileira e do jazz. É autor dos livros A Era dos Festivais (Editora 34, 2003), João Gilberto (Publifolha, 2001), Música nas Veias (Editora 34, 2007), Eis aqui os Bossa Nova (Editora Martins Fontes, 2008) e Música com Z (Editora 34, 2014).

    Período: 05 e 06.04

    Dia: quarta e quinta-feira

    Horário: das 19h30 às 21h30

  10. A tragédia grega, por Ésquilo

    A tragédia grega, por Ésquilo

    Sem estoque

    A tragédia grega foi o primeiro gênero teatral. Desde sua origem, o teatro desempenhou importante papel no desenvolvimento da sociedade, especialmente na Antiguidade. Ésquilo foi o primeiro dos grandes tragedistas gregos.  A única trilogia  que o tempo não mutilou foi a de Ésquilo, Oréstia. Além dessa tragédia, ao longo de três encontros serão examinadas outras duas: Os Persas e Prometeu Acorrentado. O curso reflete sobre a tragédia na sua completude, desde sua origem, o espetáculo, o trágico, o destino, o mito, a história e a situação humana. 

    Donaldo Schüler
    Doutor em Letras e Livre-Docente pela UFRGS e pela PUCRS. Recebeu o título de Professor Emérito da UFRGS. Foi professor titular em língua e literatura grega da mesma universidade. Foi professor do Curso de Pós-graduação em Filosofia de PUCRS. Ministrou cursos em nível de graduação e de pós-graduação no Brasil e no exterior (Estados Unidos, Canadá, Uruguai, Chile, Argentina). Escritor de inúmeras e premiadas obras, entre ensaios e romances, é também tradutor, com destaque para o romance Finnegans Wake, de James Joyce, e a Odisséia¸de Homero.

    Período: 04. 11 e 18.04

    Dia: terças-feiras

    Horário: das 19h30 às 21h30