Arte

  1. Poesia no Ling - Florbela Espanca

    Poesia no Ling - Florbela Espanca

    Todo mês teremos um encontro dedicado à poesia no Instituto Ling!

     Por que poesia?

     Ler poesia é uma experiência que estimula a interpretação de textos, amplia o vocabulário e provoca emoções. Segundo estudo da Universidade de Liverpool,  sua leitura afeta a área de nosso cérebro onde as lembranças autobiográficas estão contidas. Assim, os textos poéticos oferecem elementos emocionais e biográficos que potencializam a experiência cognitiva, oportunizam espaço de crescimento e nos ajudam a compreender o mundo de uma forma mais humana.

     Nesse encontro falaremos sobre os textos de Florbela Espanca (1894-1930), uma poeta de extraordinária sensibilidade, que escrevia seus versos desde criança, considerados avançados em relação à sua idade.

    Um trecho da poesia de Espanca, para você já ir aquecendo:

     “Gosto de ti, ó chuva, nos beirados,

    Dizendo coisas que ninguém entende!

    Da tua cantilena se desprende

    Um sonho de magia e de pecados."

     (ESPANCA, Mistério, 1931)

     

    Inscrições:

    Inteira: R$ 40,00

    Meia-Entrada: R$ 20,00*

    *para meia-entrada - estudantes, pessoas com deficiência e com mais de 60 anos, escreva para educativo@institutoling.org.br e solicite seu cupom de desconto. Na data do evento, apresente sua identificação.

    Jane Tutikian
    Jane Tutikian é uma escritora brasileira, autora de contos, ensaio, novelas e literatura infantojuvenil. É vice-reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e pós-doutora em Literatura. Já foi diretora do Instituto de Letras da UFRGS e é membro da Academia Rio-Grandense de Letras. Foi escolhida a patrona da 57ª Feira do Livro de Porto Alegre, realizada de 28 de outubro a 15 de novembro de 2011.

    Período: 23.05.2018

    Dia: quarta-feira

    Horário: das 16h às 18h

  2. Poesia no Ling - Manuel Bandeira

    Poesia no Ling - Manuel Bandeira

    Sem estoque

    Todo mês teremos um encontro dedicado à poesia no Instituto Ling!

     Por que poesia?

     Ler poesia é uma experiência que estimula a interpretação de textos, amplia o vocabulário e provoca emoções. Segundo estudo da Universidade de Liverpool,  sua leitura afeta a área de nosso cérebro onde as lembranças autobiográficas estão contidas. Assim, os textos poéticos oferecem elementos emocionais e biográficos que potencializam a experiência cognitiva, oportunizam espaço de crescimento e nos ajudam a compreender o mundo de uma forma mais humana.

     Nosso segundo encontro será sobre os textos de Manuel Bandeira (1886-1968), que foi considerado o mais lírico dos poetas brasileiros.

    Uma pitada da poesia de Manuel Bandeira, para você já ir aquecendo:

     “Assim eu quereria meu último poema

    Que fosse terno dizendo as coisas mais simples e menos intencionais

    Que fosse ardente como um soluço sem lágrimas

    Que tivesse a beleza das flores quase sem perfume

    A pureza da chama em que se consomem os diamantes mais límpidos

    A paixão dos suicidas que se matam sem explicação."

     (BANDEIRA, O Último Poema, 1930)

     

    Inscrições:

    Inteira: R$ 40,00

    Meia-Entrada: R$ 20,00*

    *para meia-entrada - estudantes, pessoas com deficiência e com mais de 60 anos, escreva para educativo@institutoling.org.br e solicite seu cupom de desconto. Na data do evento, apresente sua identificação.

    Sergius Gonzaga
    Professor da UFRGS desde 1978, um dos fundadores do curso Unificado e do colégio Leonardo da Vinci, ex-diretor da Editora da UFRGS (1986-1994), ex-diretor do Instituto Estadual do Livro (2003-2004), ex-secretário de Cultura de Porto Alegre (2005-2012). Atualmente é responsável pela Universidade Aberta e Coordenação do Livro da Prefeitura de Porto Alegre. Tem dados palestras e cursos sobre Literatura Brasileira e Literatura Latino—Americana em várias cidades do país e do exterior.

    Período: 18.04.2018

    Dia: quarta-feira

    Horário: das 16h às 18h

  3. Poesia no Ling - Charles Baudelaire

    Poesia no Ling - Charles Baudelaire

    Sem estoque

    Todo mês teremos um encontro dedicado à poesia no Instituto Ling!

     Por que poesia?

     Ler poesia é uma experiência que estimula a interpretação de textos, amplia o vocabulário e provoca emoções. Segundo estudo da Universidade de Liverpool,  sua leitura afeta a área de nosso cérebro onde as lembranças autobiográficas estão contidas. Assim, os textos poéticos oferecem elementos emocionais e biográficos que potencializam a experiência cognitiva, oportunizam espaço de crescimento e nos ajudam a compreender o mundo de uma forma mais humana.

     Nosso primeiro encontro será sobre os textos de Charles Baudelaire (1821-1867), um dos mais influentes poetas franceses do século XIX e considerado um dos precursores do Simbolismo e da poesia moderna.

    Uma pitada da poesia de Baudelaire, para você já ir aquecendo:

     “Os poetas, diante de meus gestos de eloquência,

    Aos das estátuas mais altivas semelhantes,

    Terminarão seus dias sob o pó da ciência;

    Pois que disponho, para tais dóceis amantes,

    De um puro espelho que idealiza a realidade:

    O olhar, meu largo olhar de eterna claridade!”

     (BAUDELAIRE, Flores do Mal, 1857)

     

    Inscrições:

    Inteira: R$ 40,00

    Meia-Entrada: R$ 20,00*

    *para meia-entrada - estudantes, pessoas com deficiência e com mais de 60 anos, escreva para educativo@institutoling.org.br e solicite seu cupom de desconto. Na data do evento, apresente sua identificação.

    Maria do Carmo Alves de Campos
    Licenciatura e Mestrado em Letras pela UFRGS. Doutorado em Letras pela USP. Foi Professora Titular de Literatura Brasileira na UFRGS, com experiência no ensino médio e superior. Professora convidada em universidades estrangeiras do Canadá, França e Portugal. Autora de livros de ensaios literários e de poesia, entre os quais “A matéria prismada”, “Matinas & Bagatelas”.

    Período: 21.03.2018

    Dia: quarta-feira

    Horário: das 15h30 às 17h30

  4. Oficina de introdução à aquarela

    Oficina de introdução à aquarela

    Sem estoque

    A partir da apresentação de algumas técnicas em aquarela e nanquim, os participantes poderão experimentar as variações da técnica aguada. Neste curso, vamos explorar texturas, reações, manchas, além de estudos sobre volume e transparência em aquarela. Os participantes também terão um momento de familiarização com materiais, como pincéis e papéis específicos, e suas utilizações. Descobrindo e desbravando o universo fluido que o recurso aguado pode oferecer, serão desenvolvidos trabalhos individuais e coletivos, voltados para o processo criativo de cada um. Não é necessário conhecimento prévio ou experiência no campo das artes. Ao longo dos dois dias, a ministrante levará referências artísticas produzidas a partir das técnicas trabalhadas em aula.

    *Os materiais estão inclusos no valor da matrícula.

    Chana de Moura
    Chana de Moura é artista visual e trabalha com arte e educação desde 2012, quando começou a explorar a área através do Projeto Educativo da Fundação Iberê Camargo. Formanda em Artes Visuais pela UFRGS, realiza seu trabalho artístico em diversas mídias, sendo mais recorrente o desenho em técnicas mistas, gravura em metal e objetos. Seus trabalhos já circularam por diversas exposições no Brasil e no mundo, entre mostras coletivas e individuais. Nos últimos anos vem ministrando diversas oficinas e cursos voltados para públicos diversos e também tem figurado em palestras sobre experimentação em arte e fotografia artística.

    Período: 16 e 17.01.2018

    Dia: Terça e quarta-feira

    Horário: das 19h às 22h

  5. Elaboração, planejamento e gestão de projetos culturais - Módulo I

    Elaboração, planejamento e gestão de projetos culturais - Módulo I

    Sem estoque

    O curso Elaboração, Planejamento e Gestão de Projetos Culturais apresenta todas as etapas que envolvem a produção cultural, desde a elaboração do projeto, sua financiabilidade através das leis de incentivo, fundos e editais, chegando na captação de recursos e na realização da atividade. Ministrado por Alexandre Vargas, produtor cultural com sólida experiência no mercado cultural, o curso está organizado em dois módulos independentes que tratam das práticas que envolvem o sistema da cultura, seguindo os critérios artísticos, sociais e econômicos que garantem a sustentabilidade e o bom desempenho dos projetos.

    Confira também o Módulo II do curso, que acontece na semana seguinte ao Módulo I.

    Alexandre Vargas
    Alexandre Vargas é diretor do Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre e consultor na área cultural e de patrocínios em empresas e centros culturais, além de integrante da REDELAE – Rede Latino-americana de Artes Cênicas. Fundador do CPTA – Centro de Pesquisa Teatral do Ator (2003). Graduando em Gestão Pública e professor da disciplina de Direção e Liderança na École dês Hautes Études Comerciales de Montreal (HEC). Foi o idealizador, diretor, coordenador e administrador do Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre nos anos de 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016.

    Período: 15 e 16.09 de 2017

    Dia: Sexta e Sábado

    Horário: Sexta das 19h às 22h e sábado das 11h às 18h

  6. Oficina de Introdução à aquarela

    Oficina de Introdução à aquarela

    Sem estoque

    A partir da apresentação de algumas técnicas em aquarela e nanquim, os participantes poderão experimentar os desdobramentos através das variações da técnica aguada. Neste curso, estaremos voltados para a exploração de texturas, reações, manchas, além de estudos sobre volume e transparência em aquarela. Além disso, haverá um momento de familiarização com materiais como pincéis e papéis específicos e suas utilizações. Descobrindo e desbravando o universo fluido que o recurso aguado pode oferecer, serão desenvolvidos trabalhos individuais e coletivos, voltados para o processo criativo de cada um. Não é necessário conhecimento prévio da técnica ou experiência no campo das artes. Ao longo dos dois dias, a ministrante levará referências artísticas produzidas a partir das técnicas trabalhadas em aula.

     

    *Os materiais estão inclusos no valor da matrícula.

    Chana de Moura
    Chana de Moura é artista visual e trabalha com arte e educação desde 2012, quando começou a explorar a área através do Projeto Educativo da Fundação Iberê Camargo. Formanda em Artes Visuais pela UFRGS, realiza seu trabalho artístico em diversas mídias, sendo mais recorrente o desenho em técnicas mistas, gravura em metal e objetos. Seus trabalhos já circularam por diversas exposições no Brasil e no mundo, entre mostras coletivas e individuais. Nos últimos anos vem ministrando diversas oficinas e cursos voltados para públicos diversos e também tem figurado em palestras sobre experimentação em arte e fotografia artística.

    Período: 16 e 23.09 de 2017

    Dia: Sábados

    Horário: das 14h30 às 17h30

  7. Arte e mitologia egípcia

    Arte e mitologia egípcia

    Sem estoque

    Como todo movimento artístico, também a arte egípcia está profundamente relacionada ao contexto de sua época. Para dela tratarmos, é inevitável nos voltarmos à mitologia, elemento de forte influência sobre aspectos políticos e religiosos dessa sociedade. Neste curso, vamos conhecer mais sobre a carga simbólica presente nos principais personagens da mitologia egípcia e a sua relação com as manifestações artísticas da civilização antiga que mais perdurou através dos tempos.

    Angela Wolf e Tânia Bian
    Tânia Bian e Angela Wolf são reconhecidas por ministrar cursos sobre História da Arte e por organizar viagens culturais aos principais museus de Arte da Europa e do Oriente. O entusiasmo e a paixão pela história “não-oficial” são características marcantes que, unidas ao conhecimento dos detalhes mais íntimos da História da Arte, definem o perfil das professoras.

    Período: 19 e 26.06

    Dia: Segundas-feiras

    Horário: das 19h às 21h

  8. Modernismo: arte e história

    Modernismo: arte e história

    Sem estoque

    A Primeira Guerra Mundial não somente assinalou o declínio econômico, político e militar da Europa, como também o fim de uma respeitável continuidade cultural. O cultivo do humanismo aristocrático e do individualismo liberal, depois da catástrofe, entrou em crise definitiva. A isso se somou, nas primeiras décadas do século XX, a emergência das ideologias seculares – a democracia, o comunismo e o nazi-fascismo - que vieram, por assim dizer, ocupar um espaço esvaziado de Deus. Deu-se então, no campo da estética, a maior ruptura com uma tradição de, no mínimo, cinco séculos de arte e literatura: a arte moderna fez do repúdio ao passado a sua pedra filosofal.

    Voltaire Schilling
    Voltaire Schilling leciona História há mais de 30 anos. Escreveu os seguintes livros, entre outros: A Revolução Chinesa, O Nazismo – breve história ilustrada, Momentos da História: a função da História na conjuntura social, Estados Unidos vs América Latina: as etapas da dominação, Tempos da História, O Conflito das Ideias, América, Ocidente vs Islã. É responsável pela página de História do portal Terra (http://noticias.terra.com.br/educacao/historia).

    Período: 05, 12 e 19.04

    Dia: quartas-feiras

    Horário: das 19h30 às 21h30

  9. Processos Criativos: Oficina de desenho e colagem

    Processos Criativos: Oficina de desenho e colagem

    Sem estoque

    Uma oficina democrática e lúdica, que parte do desenho e da colagem para estímulo da criatividade e do talento de cada um. A artista Carla Barth ensina diferentes técnicas de desenho, recorte, colagem e apropriação, buscando em exercícios práticos a compreensão do processo criativo individual. A partir do contato com diferentes abordagens, materiais e formatos, você vai descobrir as possibilidades que o desenho e a colagem têm a oferecer. E não é preciso conhecimento prévio: para participar, basta disposição! Observação: o material da oficina está incluso na matrícula.

    Carla Barth
    Formada em Comunicação pela PUCRS, estudou desenho e escultura no Atelier Livre (RS). Participou de diversas exposições coletivas e individuais, entre elas: Ateliê Aberto (SP), Museu do Trabalho (RS), Santander Cultural (RS), Galeria Laura Marsiaj (RJ), Galeria Choque Cultural (SP), CCBB Brasília, no Pavilhão das Culturas Brasileiras (SP) e no MACRS (foi finalista do concurso Jovem Artista em 2005). No exterior, participou de mostras nos EUA, Espanha, França, Itália, Taiwan e Colômbia. Ministrou cursos e palestras sobre arte pública, processo artístico, desenho e escultura. Fez parte de publicações como Juxtapoz (EUA), +SOMA (BR), G.O.B (EUA), Clam Magazine (FR), Amelia's Magazine (UK), BIG-SUR (AR), Moloko (RU), entre outras. Trabalha com ilustração e arte aplicada para marcas e clientes como Adidas, Melissa, Absolut, Zapatilhas Puro (AR), Alcaçuz, Redley, MTV, Element BR e Santander Cultural.

    Período: 14.01

    Dia: Sábado

    Horário: das 14h às 18h

  10. Os grandes escândalos da corte francesa

    Os grandes escândalos da corte francesa

    Sem estoque

    Durante os brilhantes e turbulentos reinados de Luis XIV, o Rei Sol, e de Luis XVI, o último rei, a corte francesa foi sacudida por diferentes escândalos que abalaram e modificaram profundamente o país. Este é o fio condutor do instigante curso ministrado pelas professoras Tânia Bian e Angela Wolf, que dividem todos os elementos que transformaram a história da monarquia, culminando em seu fim e na Revolução Francesa.
    Tânia Bian e Angela Wolf
    Tânia Bian e Angela Wolf são reconhecidas por ministrar cursos sobre História da Arte e por organizar viagens culturais aos principais museus de Arte da Europa e do Oriente. O entusiasmo e a paixão pela história “não-oficial” são características marcantes que, unidas ao conhecimento dos detalhes mais íntimos da História da Arte, definem o perfil das professoras.

    Período: 10 e 11.01

    Dia: Terça e Quarta

    Horário: das 19h30 às 21h30