Cinema

  1. Meu filme favorito com Tânia Carvalho: "As Pontes de Madison" | 19.04.2018 - 19h

    Meu filme favorito com Tânia Carvalho: "As Pontes de Madison" | 19.04.2018 - 19h

    Sem estoque

    A PARTIR DAS 17H INGRESSOS A VENDA SOMENTE NA RECEPÇÃO

    Ministério da Cultura e Instituto Ling apresentam

    O segundo encontro da programação Meu Filme Favorito traz a jornalista Tânia Carvalho para conversar com o público sobre um dos filmes que marcaram sua vida: As pontes de Madison (1995), de Clint Eastwood. A atividade inclui a exibição do filme seguida de bate-papo com a convidada, mediado pelo também jornalista Roger Lerina, curador deste projeto.

    Sinopse do filme: Após a morte de Francesca Johnson (Meryl Streep), uma proprietária rural do interior do Iowa, seus filhos descobrem, através de cartas deixadas, o forte envolvimento que ela teve com um fotógrafo (Clint Eastwood) da National Geographic. As pontes de Madison dá voz aos anseios de homens e mulheres de todo mundo, e mostra por meio desse encontro o que é amar e ser amado de forma tão ardente.

    Tânia Carvalho, apresentadora de Rádio e Tv há mais de 40 anos. Faz comentários todos os sábados na Rádio Gaúcha sobre literatura.

    Duração: 135 minutos

    Esta atividade tem patrocínio da Crown Embalagens e financiamento do Ministério da Cultura, Governo Federal.

    Ocupação total: 89 lugares Meia-Entrada: 35 lugares Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 19/04

    Duração: 3 horas

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: 19h

    Valor: R$ 10,00

  2. Meu Filme Favorito com Carlos Gerbase – Filme "O sétimo selo" | 03.05.2018 - 19h

    03/05
    Meu Filme Favorito com Carlos Gerbase – Filme "O sétimo selo" | 03.05.2018 - 19h

    Ministério da Cultura e Instituto Ling apresentam:

    Na terceira edição da programação Meu Filme Favorito, o cineasta Carlos Gerbase irá conversar com o público sobre um dos filmes que marcaram sua vida: O Sétimo Selo (1957) de Ingmar Bergman. A atividade inclui a exibição do filme seguida de bate-papo com o convidado, mediado pelo curador do projeto, o jornalista Roger Lerina.

    Sinopse do filme: Após dez anos, um cavaleiro retorna das Cruzadas e encontra o país devastado pela Peste Negra. Sua fé em Deus é sensivelmente abalada e, enquanto reflete sobre o significado da vida, a Morte surge à sua frente querendo levá-lo, pois chegou sua hora. Objetivando ganhar tempo, convida-a para um jogo de xadrez que decidirá se ele parte com ela ou não. Tudo depende da sua vitória no jogo e a Morte concorda com o desafio, já que não perde nunca.

    Duração do filme: 96 min

    Carlos Gerbase nasceu em 1959, em Porto Alegre. Em 1978 começou sua carreira como cineasta na bitola super-8. Foi um dos fundadores da Casa de Cinema, em 1979, onde realizou longas, curtas e programas de TV. Foi roteirista da Rede Globo. Saiu da Casa de Cinema em 2010 para criar a Prana Filmes, onde realizou dois longas. É escritor, com quatro trabalhos de ficção, três obras na área do cinema e uma obra didática destinada ao ensino médio. Foi baterista e vocalista da banda de rock “Os Replicantes”.

    Esta atividade tem patrocínio da Crown Embalagens e financiamento do Ministério da Cultura, Governo Federal.


    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 03/05

    Duração: 3 horas

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: 19h

    Valor: R$ 10,00

  3. Sessão ACCIRS de Cinema: Ponto Zero

    Sessão ACCIRS de Cinema: Ponto Zero

    Exibição do filme Ponto Zero, seguido por debate com os realizadores e coordenado por representantes da Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul.

    Aclamado pela crítica, o filme conta a história de um garoto de 14 anos atormentado pelos fantasmas da idade e sufocado no convívio familiar, que desafia uma noite tempestuosa em busca de seu destino.

    O protagonista é o jovem ator gaúcho Sandro Aliprandini, que estará no debate, juntamente com a produtora, Aleteia Selonk, e o diretor, José Pedro Goulart, que acaba de voltar da Coréia, onde o filme participou da Mostra Competitiva do Bifan (Festival Intenacional de Filmes Fantásticos).

    Ocupação total: 89 lugares 

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 09/08

    Duração: 150min

    Dias: Terça-feira

    Hórario: 19h

    Valor: R$ 20,00

  4. Sessão ACCIRS de Cinema: Epidemia de Cores

    Sessão ACCIRS de Cinema: Epidemia de Cores

    Uma reflexão sobre arte, saúde mental e direitos humanos. O documentário registra participantes e coordenadores da Oficina de Criatividade Nise da Silveira no Hospital Psiquiátrico São Pedro, antigo hospício da cidade de Porto Alegre.

    A sessão comentada tem a presença de:

    Tania Mara Galli Fonseca: Psicóloga, Professora Titular do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul; atua ainda como docente-pesquisadora dos Programas de PósGraduação em Psicologia Social e Institucional e Informática Educativa/UFRGS2.

    Robledo Milani: Presidente da ACCIRS (Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul) e membro fundandor da ABRACCINE (Associação Brasileira de Críticos de Cinema). Jornalista e publicitário formado pela UFRGS, é também editor-chefe do site Papo de Cinema (www.papodecinema.com.br).

    Leonardo Garavelo: Doutor em Psicologia Social e Institucional pelo PPGPSI/UFRGS. Leciona no Centro Universitário Ritter dos Reis (UniRitter) atuando nos cursos de Graduação e de Pós-graduação. Especialista em Análise Institucional, desenvolve diversos trabalhos com comunidades, escolas da rede pública e a Atenção Básica em Saúde.

    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 29/09

    Duração: 70 minutos

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: 19h

    Valor: R$ 20,00

  5. Sessão Lança Filmes e ACCIRS de Cinema - Xico Stockinger

    Sessão Lança Filmes e ACCIRS de Cinema - Xico Stockinger

    Um retrato íntimo, mostrando a metodologia do trabalho do artista Xico Stockinger, que se tornou um dos maiores escultores brasileiros, sua história de vida e obras, até seu falecimento em 2009.

    Imigrante austríaco pós I Guerra Mundial, naturalizado brasileiro e com um sonho frustrado de se tornar aviador, Xico criou um estilo próprio baseado na fusão de bronze, utilizando material reaproveitado, às vezes tendo que destruir suas obras para criar novas. Ele uniu técnica e força dentro de uma profusão de texturas e uma economia de cores, sem igual.

    O próprio Xico Stockinger (1919 – 2009) conduz o filme falando sobre sua obra, seu processo criativo, os lugares que fizeram parte de sua formação e seu ambiente de trabalho.

    Após a exibição do filme, ocorre um debate com profissionais da área.

    Debatedores:

    José Francisco Alves: Doutor em História da Arte, autor de curadorias e livros sobre a vida e obra de artistas como Amilcar de Castro e XicoStockinger. Curador-Chefe do MARGS, entre 2011 e 2013. Tem publicado artigos em jornais e revistas, no Brasil e exterior. Membro do ICOM, ABCA, e professor de Escultura no Atelier Livre Xico Stockinger desde 2000.

    Eloísa Tregnago: Graduada em Letras pela UCS e escultora. Estudou desenho com João Bez Batti entre 1981 a 1983. Mudou- se para Porto Alegre em 1985 e freqüentou as aulas de modelagem e escultura com Vasco Prado e Xico Stockinger.  Recebeu orientação em desenho de Plínio Bernhard e Patrício Farias e de Danúbio Gonçalves em gravura. Trabalha desde 1987 no Atelier Vila Nova, de Xico Stockinger, com pedra e bronze.

    Mediação: 

    Fatimarlei Lunardelli: 
    Jornalista, professora e crítica de cinema. Formada pela UFRGS, tem mestrado e doutorado em cinema pela USP. É autora dos livros Ô psit! O cinema popular dos Trapalhões (1996), Quando éramos jovens: história do Clube de Cinema de Porto Alegre (2000) e A Crítica de Cinema em Porto Alegre na década de 1960 (2008).

    Mônica Kanitz: Formada em jonalismo pela UFRGS atua como editora de cultura no jornal Metro Porto Alegre e como programadora da Cinemateca Paulo Amorim. Atualmente é vice-presidente da Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul (ACCIRS).

    Data de Início: 06/12

    Duração: 86 minutos

    Dias: Terça-feira

    Hórario: 19h

    Valor: R$ 20,00

  6. Estreia do filme "Entardecer", de Muriel Paraboni | 15.08 - 19h30

    Estreia do filme "Entardecer", de Muriel Paraboni | 15.08 - 19h30

    Sem estoque

    Estreia no Brasil do filme de curta-metragem "Entardecer", dirigido por Muriel Paraboni. Selecionado e premiado em diversos festivais internacionais, o filme será apresentado em sessão especial para equipe, convidados e público em geral. Está programada também uma performance musical de Carina Levitan, que assina a trilha do filme, e um bate-papo com membros da equipe.

    O evento terá a presença de Muriel Paraboni (diretor), Fábio Del Re e Carlos Stein (diretores de fotografia), Francisco Goulart Jahn (ator), Carina Levitan (sound design) e Luis Otávio Feldens (pós-produção).

    A entrada é franca e as senhas começam a ser distribuídas 30 minutos antes do início da atividade.

    Data de Início: 15/08

    Duração: 2 horas

    Dias: Terça-feira

    Hórario: 19h30

    Valor: R$ 0,00

  7. Meu Filme Favorito com Fabrício Carpinejar – Filme "A Infância de Ivan" | 15.03.2018 - 19h

    Meu Filme Favorito com Fabrício Carpinejar – Filme "A Infância de Ivan" | 15.03.2018 - 19h

    Sem estoque

    Ministério da Cultura e Instituto Ling apresentam:

    Na primeira edição da programação "Meu Filme Favorito" o jornalista Fabrício Carpinejar irá conversar com o público sobre um dos filmes que marcaram sua vida: A Infância de Ivan (1962) de Andrei Tarkovsky. A atividade inclui a exibição do filme seguida de bate-papo com o convidado, mediado pelo jornalista Roger Lerina, que também é curador do projeto.

    Sinopse do filme: Nas frentes soviéticas da Segunda Guerra Mundial, o garoto orfão Ivan, de 12 anos, trabalha como um espião, podendo atravessar as fronteiras alemãs para coletar informação sem ser visto. Ele vive sob os cuidados de três oficiais russos que, após inúmeras missões desgastantes, tiram Ivan das batalhas e o enviam para a escola militar.

    Duração: 90 minutos

    Esta atividade tem patrocínio da Crown Embalagens e financiamento do Ministério da Cultura, Governo Federal.

     

    Ocupação total: 89 lugares Meia-Entrada: 35 lugares Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 15/03

    Duração: 3 horas

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: das 19h às 22h

    Valor: R$ 10,00