Música

  1. Lucas Thomazinho

    Lucas Thomazinho

    Sem estoque

    Premiado com o 1º lugar no XVIII Santa Cecilia International Competition em Portugal, o jovem pianista paulistano Lucas Thomazinho vem desenvolvendo uma trajetória de destaque. Um dos mais importantes nomes da nova geração da música erudita brasileira, Lucas nasceu em 1995 e aos nove anos de idade ganhou o primeiro concurso, vencendo desde então mais de uma dezena de competições nacionais e internacionais, como o XI Concurso Nacional de Piano Magda Tagliaferro e o II Concurso Jovens Músicos – Música no Museu. Recentemente foi o vencedor do Prêmio de Melhor Intérprete de Música Brasileira no V Concurso Internacional BNDES de Piano. Em 2010 e 2011 foi solista da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais sob a regência de Marcos Arakaki. Lucas já se apresentou em recitais no MUBE – Museu Brasileiro de Escultura, no MASP – Museu de Arte de São Paulo, na Fundação Maria Luisa e Oscar Americano, no Centro Cultural São Paulo, na Sociedade Brasileira de Eubiose, no CMB - Centro de Música Brasileiro, no Conservatório de Tatuí, na programação Música do Museu (RJ) e em Campos do Jordão pela AME Campos. Atualmente cursa bacharelado na USP – Universidade de São Paulo, onde é orientado pelo pianista Eduardo Monteiro. Em 2017 será lançado seu primeiro CD pelo selo KNS Classical. No programa deste recital, obras de Czerny, Granados e Schumann.

    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 08/04

    Duração: 60 minutos

    Dias: Sábado

    Hórario: 17h

    Valor: R$ 40,00

  2. Alan Smith

    13/05
    Alan Smith

    Doutor em violoncello pela Universidade do Texas em Austin, estudou com George Neikrug, Adolphe Frezin e Horace Britt alem de ter participado de master classes com Leonard Rose e Andre Navarra. Como ganhador de diversas competições, ele se apresentou como solista por todos EUA e Coréia do Sul. Também esteve sob as batutas de maestros como Igor Stravinsky e Aaron Copland. Suas apresentações solo e como camerista, além de ministrante de master classes e jurado de competições de violoncello, o levaram aos principais palcos dos EUA, Canadá, México, Coréia do Sul, Taiwan e China. Em 2001, ele foi jurado no “The Leonard Rose International Cello Competition” em Washington, DC. Já foi professor das seguintes universidades: University of North Carolina/Chapel Hill, Bowling Green State University (OH), Oberlin College Conservatory e the University of Arizona. Muitos dos seus alunos estão em grandes orquestras dos EUA e também foram ganhadores de importantes competições para instrumentos de corda. “The Guarneri Duo”, com Vasile Beluska, Violino, lançou 2 CDs de piano trios (Haydn, Brahms, e outras seleções em 2004; e Tchaikovsky e Haydn em 2012). Ele também já gravou para Mutual, Columbia, Access e ASUC records e fez aparições em rádio e televisão nos EUA e Ásia. Como regente, esteve à frente da Orquestra Sinfônica de Bowling Green, em Ohio, além de outras orquestras.

    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Alan Smith realizará uma Masterclass no auditório do Instituto Ling no dia 13.05, às 11h. As inscrições são gratuitas e limitadas. Para participar envie um e-mail para educativo@institutoling.org.br.

     

    Data de Início: 13/05

    Duração: 60 minutos

    Dias: Sábado

    Hórario: 17h

    Valor: R$ 40,00

  3. Arthur de Faria & Maurício Pereira

    18/05
    Arthur de Faria & Maurício Pereira

    O show reúne dois expoentes da música brasileira que tem na qualidade e no humor suas principais características. Arthur de Faria é músico, arranjador, compositor, produtor de discos, pesquisador, jornalista, radialista e mestre em literatura brasileira pela UFRGS. Começou sua carreira com o Bando Barato pra Cachorro, na virada dos anos 1980 pros 90. De 1995 a 2015 liderou o Arthur de Faria & Seu Conjunto, septeto/octeto com cinco discos lançados (um deles também no Uruguai e Argentina) e centenas de shows em seis países. Integrou o Duo Deno, dupla com o baterista e pianista Fernando Pezão. Em 2010 fundou a Surdomundo Imposible Orchestra, com os paulistas Maurício Pereira e Caíto Marcondes, os portenhos Ignacio Varchausky e Martin Sued, e os montevideanos Martin Buscaglia, Osvaldo Fattoruso e Martin Ibarburru. O trabalho do compositor, cantor, saxofonista e produtor paulistano Mauricio Pereira tem vários caminhos diferentes, mas o foco principal é sempre a canção, seja como autor ou intérprete. Já lançou 6 discos solo, além do trabalho com André Abujamra na banda Os Mulheres Negras, que lançou 2 discos pela Warner nos anos 80. Canções de Mauricio tem sido gravadas por vários artistas, como Maria Gadú ou o trio Metá Metá. Além do trabalho solo, tem o duo Pereirinha & Pereirão (com seu filho Tim Bernardes, do grupo O Terno), o projeto “Mentira!”, ao lado do violeiro Paulo Freire e do cantor e compositor Wandi Doratiotto e a participação no grupo Surdomundo Impossible Orchestra, ao lado de Arthur de Faria. Produziu inúmeros discos, criou conteúdo para documentários sobre música, repórter no programa Fanzie, na TV Cultura, fez consultoria musical para filmes e peças. Figura no Guinness Book 1998 por ter feito o primeiro show brasileiro ao vivo via internet, em dezembro de 1996.

    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 18/05

    Duração: 60 minutos

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: 20h

    Valor: R$ 40,00

  4. Diego Schissi

    Diego Schissi

    Sem estoque

    Pianista, arranjador e compositor, Diego Schissi é um dos nomes mais festejados da nova geração da música argentina. Nasceu em Buenos Aires em 1969. Começou a tocar e estudar nos Estados Unidos, retornando a Argentina somente no final dos anos 90. Em 1999, criou o Quinteto Urbano, agrupação de grande importância no movimento jazzístico argentino. Com o grupo, gravou três álbuns em cinco anos. Além do jazz, sua música tem transitado pelo folclore, tango e música de câmara. Tocou ao lado de músicos de diferentes tendências, como Facundo Bergalli, Lidia Borda, Susana Rinaldi, Anacrusa, Orquesta El Arranque, Diego Urcola, Raúl Carnota, Tito Puente, Gerry Mulligan, Joe Henderson, Chico O’Farrill, Stefano Bollani, Fareed Haque, Ná Ozzetti, Orquestra Sinfônica de Aarhus (Dinamarca), Orquestra Jazz Sinfônica (São Paulo), Orquestra Nacional Filisberto (Argentina), entre outros. Compôs música para cinema (Chúmbale), teatro (entre elas Cremona e El diario de Ana Frank) e para os mais diferentes instrumentos e formações. Em 2008, lançou seu primeiro álbum solo, Tren, que inclui composições próprias sugeridas, ditadas e influenciadas por textos de autores de fala hispana como Julio Cortázar, Juan Gelman, Macedonio Fernández, Felisberto Hernández e Santiago Dabove. Um álbum conceitual que permite variadas e ricas leituras. Lançou ainda Tongos (2010), Tipas y tipos (2012) e Hermanos (2014, juntamente com Aca Seca Trío) e Timba (2016). Recebeu diversos prêmios, entre eles Gardel, Konex de Platino 2005 e os Prêmios Nacionais 2013.

    Ocupação total: 89 lugares

    Meia-Entrada: 35 lugares

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 27/04

    Duração: 60 minutos

    Dias: Quinta-feira

    Hórario: 20h

    Valor: R$ 40,00

  5. 18º Encontro de Violoncelos do RS - Recital de Abertura com DOLCE DUO

    03/07
    18º Encontro de Violoncelos do RS - Recital de Abertura com DOLCE DUO

    Duo de violoncelos, formado no ano 2007, faz a abertura do 18º Encontro de Violoncelos RS, interpretando obras de Ernst Mahle, Garcia Alvarez, Samuel Maynez, Isaac Alberniz e um pout pourri de sambas para dois cellos. As cellistas, Milene Aliverti (Brasil) e Nuria Rosa Muntañola (Espanha) se reuniram para descobrir o repertório existente para esta formação tão pouco conhecida. Na apresentação que farão no Instituto Ling, as musicistas interpretarão algumas músicas desconhecidas feitas por compositores vivos, além de trazer outras obras bastante populares tanto no Brasil como no exterior. É um recital Hispano-Brasileiro que visa unir as duas culturas mostrando suas diferenças e semelhanças nos diferentes timbres e sonoridades do violoncelo.

    No Brasil, o Dolce Duo participa do Encontro de Violoncelos do Rio Grande do Sul, desde sua primeira edição, atuando não somente como professoras mas também como solistas na Orquestra de Câmara do Theatro Sao Pedro e Orquestra Unisinos. Na Espanha, o Duo participou do Encontro de Violoncelos da cidade de Santander e tocaram diversas vezes no Ateneo de Madrid, Conservatorio del Escorial e Conservatório Thereza Berganza. 

    Parceria: Instituto Ling e 18º Encontros de Violoncelos RS

    Ocupação total: 89 lugares   

    Meia-Entrada: 35 lugares   

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 03/07

    Duração: 75min

    Dias: 03/07/2016

    Hórario: 11h

    Valor: R$ 40,00

  6. SHOW NIVALDO ORNELAS E KIKO CONTINENTINO

    23/06
    SHOW NIVALDO ORNELAS E KIKO CONTINENTINO

    IMPORTANTE: SHOW TRANSFERIDO PARA 23/06/16

    Dois dos maiores instrumentistas brasileiros da atualidade, Nivaldo Ornellas e Kiko Continentino estarão juntos para um show inédito de jazz e MPB no Instituto Ling.

    Nivaldo Ornellas, saxofonista, flautista, compositor e arranjador, participou do “Clube da Esquina”, ao lado de Wagner Tiso e Milton Nascimento, e do histórico grupo Som Imaginário. Apresentou-se nos principais festivais do exterior, como Montreaux (Suiça), Live Under the Sky (Japão), Chicago Jazz Festival (EUA), Festival de Estoril (Portugal) e Newport Jazz Festival (EUA). Autor de diversas e premiadas trilhas sonoras para cinema, tem vários discos solos lançados, tendo recebido diversos prêmios, como Prêmio Sharp e Troféu Villa Lobos.

    Kiko Continentino, pianista, tecladista, compositor, arranjador e produtor musical, já atuou ao lado de nomes como Paulinho Guitarra, Alberto Continentino, Simone Guimarães, Bernardo Lobo, e Milton Nascimento. Em sua trajetória, o músico já integrou os grupos de Djavan, Fito Paes, Marisa Monte, Gilberto Gil e Ana Carolina.

    Ocupação total: 89 lugares 

    Meia-Entrada: 35 lugares 

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 23/06

    Duração: 60min

    Dias: 23/06/2016

    Hórario: 20h

    Valor: R$ 40,00

  7. RECITAL DE ALAÚDE COM GUILHERME DE CAMARGO

    19/06
    RECITAL DE ALAÚDE COM GUILHERME DE CAMARGO

    Guilherme de Camargo se destaca como um dos mais importantes instrumentistas de cordas dedilhadas antigas do Brasil (alaúde, teorba, guitarra barroca, viola de arame e guitarra romântica). Dono de uma discografia que inclui mais de uma dezena de títulos, ele apresentará no Instituto Ling um programa com obras de compositores renascentistas ingleses, franceses e espanhóis, como J. Dowland, Pierre Attaingnant e Luis de Narváez, entre outros.
    Doutor em musicologia pela Universidade de São Paulo e graduado com os títulos de mestre em musicologia e bacharel em violão erudito pela mesma instituição. Além de sua atividade como solista, atua intensamente como instrumentista de cordas dedilhadas antigas em conjuntos ou orquestras no país, com trabalhos realizados junto à Osesp, ao Coro da Osesp, à Banda Sinfônica do Estado de São Paulo e ao Coral Paulistano, entre outros. Suas apresentações o levaram às salas de concerto da China, França, Espanha, Portugal, Finlândia, Bolívia, Argentina, Paraguai e Equador, além de todo o Brasil.

    Ocupação total: 89 lugares  

    Meia-Entrada: 35 lugares  

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 19/06

    Duração: 60min

    Dias: 19/06/2016

    Hórario: 11h

    Valor: R$ 40,00

  8. Recital Duo Winter Carrara

    22/05
    Recital Duo Winter Carrara

    Dois dos melhores instrumentistas gaúchos –Leonardo Winter (flauta) e André Carrara (piano) reúnem-se para interpretar um programa montado especialmente para o Instituto Ling. Com peças de compositores alemães dos séculos XIX e XX (Schubert, Reinecke e Hindemith) realizando uma retrospectiva representativa do repertório para esta formação através de um mote condutor: as histórias e estórias que perpassam o lied de Schubert , o drama mitológico de Undine e o retrato da música na Alemanha devastada pela segunda guerra mundial. Através do programa musical são realizadas conexões com as estórias conexas às obras, seus motivos e atmosferas que conduzem o ouvinte a associações entre poesia e texto musical.

    Ocupação total: 89 lugares 

    Meia-Entrada: 35 lugares 

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 22/05

    Duração: 60min

    Dias: 22/05/2016

    Hórario: 11h

    Valor: R$ 40,00

  9. Show Mike Moreno

    Show Mike Moreno

    O americano Mike Moreno é formado pela Houston High School for the Performing and Visual Arts, renomada escola por onde passaram nomes como Jason Moran, Robert Glasper, Kendrick Scott and Eric Harland. Em sua trajetória profissional, ele tocou ao lado de nomes e grupos como The Joshua Redman Elastic Band, Stefon Harris Sonic Creed, Lizz Wright Band, Nicholas Payton Quartet, Me’Shell N’Degeocello, Jason Moran, Terence Blanchard, Robert Glasper, Gretchen Parlato, Aaron Parks Quartet, Greg Osby, Wynton Marsalis and the Jazz At Lincoln Center Orchestra, and Jeff “Tain” Watts.

    Sobre o seu trabalho autoral o crítico Nate Chinen, do New York Times e Jazztimes Magazine, disse: “Existem muitos outros guitarristas direcionados ao ideal modern, mas nenhum com as coordenadas precisas que Mike tem”. Em 2007, Mike lançou seu primeiro disco solo Between The Lines, considerado como um dos 10 melhores álbuns de Jazz do Ano (New York Times). Ele gravou seu segundo e terceiro discos, Third Wish (2008) e First In Mind (2011), para o selo europeu de jazz Criss-Cross Records. Em 2012, ele produziu seu novo álbum for Another Way, escolhido pelo iTunes na lista dos melhores discos do ano. Atualmente, finaliza seu novo disco Lotus, com lançamento previsto para 2016.

    Ocupação total: 89 lugares  

    Meia-Entrada: 35 lugares  

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013 

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 12/05

    Duração: 60min

    Dias: 12/05/2016

    Hórario: 20h

    Valor: R$ 40,00

  10. NAHIM MARUN

    NAHIM MARUN

    Nahim é um pianista internacionalmente reconhecido. No Brasil, foi escolhido Melhor Solista do Ano pela Associação Paulista dos Críticos de Arte e também indicado como Melhor Pianista pelo IV Prêmio Carlos Gomes. Foi premiado por suas gravações com o Diapason d’Or, o Prêmio Bravo! de Cultura  “Melhor CD de Música Erudita de 2006”, “Melhores do Ano” pela Iberian and Latin Music Society de Londres e American Record Guide. Registrou em CDs  e  DVDs muitas obras brasileiras importantes, que abarcam vários estilos composicionais, de nomes como Henrique Oswald, Villa-Lobos, Edino Krieger e Ronaldo Miranda, entre outros.

    Nahim vêm ao Instituto Ling apresentar o recital de lançamento do cd “Miniaturas de Oswald”, inteiramente dedicado a obra de Henrique Oswald (1852/1931). Mesmo sendo um dos mais importantes e expressivos compositores da música brasileira, algumas de suas obras ainda não possuíam nenhum tipo de registro fonográfico, algumas não foram sequer editadas, permanecendo totalmente desconhecidas pelo público. 

    Ocupação total: 89 lugares  

    Meia-Entrada: 35 lugares  

    Lei Federal nº 12.933, de 26/12/2013  

    Decreto Federal nº 8.537, de 05/10/2015

    Data de Início: 17/04

    Duração: 60min

    Dias: 17/04/2016

    Hórario: 11h

    Valor: R$ 40,00